Link do botão
Ícone do botão Button Label
Ícone de carregamento

Conheça seis equipamentos submarinos da Petrobras

Conheça alguns dos principais sistemas submarinos utilizados pela Petrobras e para que servem!

Atualizado em 21/02/2024

Postado em 21/12/2023

Texto copiado!

Com muita tecnologia e foco em sustentabilidade, estamos constantemente investindo na evolução de nossa engenharia submarina para produzirmos de maneira segura e competitiva em águas profundas e ultraprofundas.

As plataformas offshore da Petrobras têm estruturas imensas e complexas, formadas por equipamentos submarinos bastante específicos, os quais nos permitem levar o petróleo e o gás natural do fundo do mar até as nossas unidades de produção.

Alguns dos termos e das funcionalidades desses equipamentos são curiosos e, até mesmo, difíceis de entender para quem não está familiarizado com o tema. Por exemplo: você sabe o que é uma Árvore de Natal Molhada? Não? Conheça mais sobre ela e outros de nossos equipamentos a seguir!

 

Quais são os principais equipamentos submarinos utilizados pela Petrobras?

Nossa expertise técnica de exploração e produção em águas profundas vem de longa data, desde a instalação da nossa primeira plataforma móvel de perfuração, no ano de 1968. De lá para cá, adotamos e desenvolvemos diversos sistemas submarinos que nos possibilitam aprimorar nossas operações e expandir nossas fronteiras de exploração.
Por aqui, vamos falar de seis equipamentos utilizados pela Petrobras atualmente:

  • Árvore de Natal Molhada.
  • Manifold.
  • Linhas flexíveis.
  • Risers.
  • Equipamentos de interligação dos tipos PLET e PLEM.
  • Umbilicais eletro-hidráulicos.

Saiba o que são e entenda como funcionam.

 

Árvore de Natal Molhada (ANM)

A Árvore de Natal Molhada é um conjunto de válvulas, operadas remotamente, que controlam o fluxo dos fluidos produzidos ou injetados nos poços de petróleo e gás. Suporta elevadas pressões e diferentes faixas de temperatura ambiente. É instalada na cabeça do poço submarino com o auxílio de mergulhadores, em profundidades de até 300 metros, ou de veículos de operação remota (ROV), em águas profundas e ultraprofundas.

O nome “árvore de natal” surgiu na década de 1930, quando habitantes de províncias petrolíferas terrestres, nos EUA, associaram o equipamento – que estava coberto de neve – a um pinheiro de Natal. Com a completação dos primeiros poços submarinos na década de 1960, o termo ganhou o adjetivo “molhada” quando passou a ser instalada no fundo do mar.

Somando todo o nosso conhecimento e nossa expertise técnica acumulados em 15 anos de atuação na camada do pré-sal, desenvolvemos um novo modelo de Árvore de Natal Molhada. A ANM 2.0., como é chamada, permite a completação inteligente — que prepara um poço para produzir de forma remota por meio da instalação de sensores — e o gas lift, método de injeção de gás comprimido para elevar artificialmente os fluidos.

 

Modelo de Árvore de Natal Molhada usado pela Petrobras no pré-sal.
Modelo de Árvore de Natal Molhada usado pela Petrobras no pré-sal

 

Manifold

O manifold é um conjunto de válvulas e acessórios que serve para direcionar a produção de vários poços para um duto coletor, o qual conduzirá tudo o que é feito para uma unidade de produção.

Esse tipo de equipamento ajuda a reduzir o número de linhas (dutos) conectadas à plataforma, além de diminuir o comprimento total das linhas de poços usadas em um sistema de produção. Pode também ser usado para permitir que um grupo de poços compartilhe sistemas submarinos de injeção de água e gas lift, para elevação de óleo e gás até a superfície por meio de gás pressurizado.

 

Instalação de manifold submarino de produção no campo de Roncador, em 2014.
Instalação de manifold submarino de produção no campo de Roncador, em 2014.

Risers

Rígidos ou flexíveis, os risers são os trechos suspensos das tubulações que interligam as linhas de produção submarinas (vindas de uma árvore de natal molhada ou de um manifold) às plataformas. Podem também ser utilizados para conduzir fluidos da superfície até o leito marinho, como os risers de injeção e de exportação.

 

Representação 3D de modelos de risers usados pela Petrobras no pré-sal.
Representação de modelos de risers usados pela Petrobras no pré-sal.

 

Linhas flexíveis

As linhas flexíveis são os dutos empregados em todo sistema submarino de coleta e escoamento, que conduzem os fluidos produzidos pelo poço para as unidades de produção de petróleo. Elas podem ser utilizadas para:

  • Interligação de uma unidade a outra.
  • Injeção ou o descarte de fluidos em reservatórios.
  • Exportação da produção para terra.

Seu formato é tubular, com camadas de materiais metálicos e não metálicos, cada qual com uma função específica. Em suas extremidades, possuem acessórios denominados “conectores”, ligando as árvores de natal molhadas a manifolds ou risers.

O pioneirismo da Petrobras no uso de linhas flexíveis é reconhecido mundialmente. Nossa tecnologia em dutos com 8 polegadas, desenvolvida especificamente para o Teste de Longa Duração no bloco de Libra, recebeu, em 2019, o OTC Distinguished Achievement Award, que é considerado a premiação de maior reconhecimento na indústria mundial de petróleo!

Representação 3D de linhas flexíveis utilizadas pela Petrobras.
Representação 3D de linhas flexíveis utilizadas pela Petrobras.

 

Equipamentos de interligação

Os equipamentos de interligação submarina da indústria de óleo e gás podem ser de dois tipos: PLET ou PLEM. Conheça um pouco mais sobre eles.

PLETs (Pipeline End Termination)

Os PLETs são equipamentos que possibilitam a interligação submarina entre dutos rígidos e dutos flexíveis ou entre um duto e um equipamento submarino.

PLEMs (Pipeline End Manifold)

Os PLEMs são instalados na extremidade de um trecho de duto, permitindo sua interligação com outros trechos de dutos.

 

PLEM da Petrobras no Porto de São Sebastião, aguardando instalação
PLEM da Petrobras no Porto de São Sebastião, aguardando instalação.
Foto: Thiago Santos Costa / Banco de Imagens Petrobras

Umbilicais eletro-hidráulicos

Os umbilicais eletro-hidráulicos são conjuntos de mangueiras e cabos elétricos, utilizados para operar remotamente válvulas e equipamentos submarinos, injetar produtos químicos e monitorar parâmetros operacionais (temperatura e pressão) de poços.

Seção de um umbilical eletro-hidráulico da Petrobras.
Seção de um umbilical eletro-hidráulico da Petrobras.

Outras tecnologias submarinas utilizadas pela Petrobras

Agora que você já sabe um pouco mais sobre como funcionam os nossos sistemas submarinos de produção, é hora de entender como estamos ampliando os limites do conhecimento para aumentar nossa eficiência e desenvolver novas tecnologias sustentáveis para uma transição energética justa e segura.

Entre as soluções inovadoras adotadas em nossas plataformas offshore, estão:

  • Sísmica 4D para enxergar abaixo do solo.
  • Tecnologia para reinjetar CO2 nos reservatórios.
  • Supercomputadores para aumentar a precisão na perfuração de poços.

Descubra mais sobre inovações e tecnologias da Petrobras em nosso site.

Notas

Leia também

Link da Notícia 77696
Fotografia de robô da Petrobras que opera em temperaturas de até 120ºC.
Inovação
Onde o homem não chega: conheça o robô que opera em temperaturas de até 120ºC
Artigo
3 min
Link da Notícia 77713
Inovação
Tipos de navio: conheça os principais modelos da Transpetro
Artigo
4 min
Link da Notícia 77725
Robô de inspeção submarino
Inovação
Conheça nosso robô para inspeções em dutos submarinos
Artigo
5 min
Link da Notícia 77737
Foto de parte elétrica de supercomputador.
Inovação
O que são os supercomputadores e quais são os impactos tecnológicos?
Artigo
4 min
Link da Notícia 77752
Tecnologia HISEP da Petrobras
Inovação
Descubra tecnologias que tornam a Petrobras mais sustentável
Artigo
5 min
Link da Notícia 77764
FPSO Anita Garibaldi na Bacia de Santos. Fonte: Agência Petrobras
Inovação
Plataforma FPSO: você sabe o que é e como funciona?
Artigo
4 min
Link da Notícia 77778
Inovação
Inovação aberta é o futuro. Mas você sabe o que é?
Artigo
6 min
Link da Notícia 77793
Programador concentrado programando em linguagem LUA. Ele está olhando para a tela do computador.
Inovação
O que Street Fighter IV, Photoshop, o Angry Birds e a Petrobras tem em comum?
Artigo
3 min




Canais

Acessibilidade

Faça uma busca:

Buscar

Sugestões de busca

Link de exemplo
Ícone do botão /documents/d/nossa-energia/chevronright-svg?download=true Exibir mais resultados
Ícone de carregamento

Mais pesquisados

Preço dos combustíveis

Pré-Sal

Time Petrobras

Escolha um Canal:

Acessibilidade

Alto-Contraste

Desligado

Ligado

Texto Grande

Desligado

Ligado

Idioma:

Selecione um idioma: