Digital Twins

O que são digital twins e como podem aumentar a eficiência operacional

Na série Aceleração da Inovação, que começa hoje, vamos apresentar as principais soluções tecnológicas que estão revolucionando a forma como trabalhamos.

Algumas pessoas já nascem com suas “cópias” de fábrica. Irmãos gêmeos, além da grande semelhança física, às vezes também possuem em comum um DNA idêntico, por terem sido gerados a partir de uma mesma célula fecundada. Caso um deles desenvolva uma doença autoimune, por exemplo, a possibilidade de ser uma predisposição genética serve como alerta para o outro, que pode então iniciar um acompanhamento preventivo direcionado. 

E se essa cópia fosse digital e nos permitisse explorar todas as características de um indivíduo real sem ao menos estarmos próximos? E se esta cópia digital nos permitisse antecipar problemas e simular condições?

É esse caminho que estamos percorrendo na Petrobras com o desenvolvimento dos chamados digital twins (gêmeos digitais). Tratam-se de representações digitais das instalações operacionais – seja uma plataforma, reservatório de petróleo, sistema submarino, equipamento crítico ou refinaria – que têm potencial para contribuir para a redução de custos operacionais e o aumento da eficiência e segurança em nossas operações.
 

Esta é a primeira parte da série Aceleração da Inovação, um especial que irá apresentar as principais soluções tecnológicas que estão revolucionando a forma como trabalhamos, na esteira da transformação digital que move toda a indústria de óleo e gás e o mundo. Inteligência artificial, Big Data, Internet das Coisas e Robótica são algumas dessas soluções que você irá ver por aqui.

Compartilhe